3.ª SESSÃO DO PROJETO “BIO REGIÃO DO TÂMEGA E SOUSA – PENSAR GLOBAL, AGIR LOCAL” ACONTECE DIA 17

0
135

O referencial estratégico para a região do Tâmega e Sousa, desenvolvido no contexto do projeto “Bio Região do Tâmega e Sousa – Pensar Global, Agir Local”, vai ser apresentado via plataforma ZOOM, dia 17, pelas 14h30.

 

O ciclo de workshops sob o tema “Bio Região do Tâmega e Sousa – Pensar Global, Agir Local” continua, através da sua terceira sessão, que tem como objetivo “sensibilizar para a importância da alteração de comportamentos nos modos de produção, informando e incentivando os produtores à conversão da sua agricultura para o modo de produção biológica” onde vão ser especificamente abordados a “ importância dos recursos genéticos vegetais e a sua valorização, assim como os desafios e oportunidades do modo de produção biológica nos citrinos e ervas aromáticas”, de acordo com o comunicado da Dolmen.

O projeto é promovido pela Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa em parceria com o Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, a Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural de Marco de Canaveses, a Ader-Sousa e a Dolmen, que é a responsável pela organização.

Segundo a nota de imprensa, a sessão “vai reforçar a importância do potencial diferenciador que poderá estar associado à comercialização de um cabaz de produtos locais biológicos”.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

four − 3 =