ARRANCA NO PRÓXIMO SÁBADO O PROGRAMA “PATRULHA BAIÃO”

0
266

O Programa de Voluntariado Jovem para a Natureza e Floresta, promovido pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) com o apoio da Câmara Municipal de Baião, vai arrancar no próximo sábado, dia 17 de julho.

São oito jovens da faixa etária entre os 18 e os 30 anos de idade, que vão integrar o primeiro turno deste projeto denominado “Patrulha Baião”.

Este grupo frequentou uma ação de formação no dia 14 de julho, na Casa de Juventude e Desporto de Chavães, cuja matéria incidiu sobre a maneira como devem exercer as suas funções, no terreno, designadamente como atuar em caso de um fogo florestal e como proceder na sensibilização da população, no que diz respeito à limpeza de terrenos e à realização de queimas e queimadas.

A equipa irá ser distribuída pelos pontos de vigia considerados no Plano Operacional Municipal de Defesa da Floresta e Natureza contra Incêndios e de onde farão a monitorização fixa e a pé do território.

Cada jovem recebeu um cartão de identificação com os números de telefone para onde devem reportar as ocorrências e panfletos de sensibilização para distribuírem pela população.

Este grupo de voluntários, para além das ações de prevenção e monitorização, ficam também com a missão de recolha de resíduos depositados na floresta, para assim contribuírem para um ecossistema mais limpo e um concelho sem poluição.

Nesta iniciativa estiveram presentes o Vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Baião, Henrique Ribeiro, os Comandantes das corporações de bombeiros de Baião e Santa Marinha do Zêzere, Alexandre Pinto e Márcio Vil, respetivamente, o Mestre Florestal Principal Sampaio e o Guarda Florestal Alves em representação do Núcleo de Proteção Ambiental da GNR de Amarante, a técnica da autarquia em representação da Proteção Civil, Luciana Pinto, a coordenadora para a área da Juventude da Câmara Municipal de Baião, Filomena Cardoso e Carla Pinto e Sara Pereira da Associação Ambiental e Cultural do Vale de Ovil – EcoSimbioses, que ministraram a ação de formação.

Henrique Ribeiro, vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Baião, agradeceu aos jovens “a defesa de um património valioso como é a floresta”, assim como destacou o sucesso que esta iniciativa teve nos anos anteriores, pois “se não tivesse surtido efeito, não estaríamos aqui hoje”. O autarca terminou manifestando o desejo de que “será um bom sinal que reportem poucos focos de incêndio, não porque não estejam atentos, mas porque estes não existem.

O Comandante da corporação de bombeiros de Baião, Alexandre Pinto alertou os jovens para que “privilegiem a sua segurança e se levarem carros para o monte, coloquem-nos em posição de fuga, para que em caso de incêndio não tenham de manobrar e possam abandonar o local o mais rapidamente possível.”

Por seu turno, Márcio Vil, Comandante dos Bombeiros Voluntários de Santa Marinha do Zêzere referiu que “é muito importante o envolvimento dos mais jovens nas causas da proteção florestal e do ambiente. Programas como este proporcionam uma experiência concreta nesse domínio, mas o mais importante é que os jovens participantes salvaguardem sempre a sua segurança e não se coloquem em situação de risco”.

Por sua vez Carla Pinto e Sara Pereira descreveram a importância da proteção do ambiente e de proteção da biodiversidade, o que é particularmente relevante num concelho com elevada percentagem de áreas florestais como Baião, tendo em vista a sustentabilidade do planeta e da nossa sociedade.

A “Patrulha Baião” vai decorrer entre 17 de julho e 14 de setembro e cada turno tem a duração de duas semanas, com períodos de 5 horas diárias, entre as 14 e as 19 horas, durante todos os dias da semana, incluindo sábados, domingos e feriados.

As datas dos diferentes turnos são de 17 a 31 de julho, de 1 a 15 de agosto, de 16 a 30 de agosto e de 31 de agosto a 14 de setembro.

As inscrições são gratuitas e têm de ser realizadas individualmente até 30 de agosto na Plataforma do IPDJ: https://programas.juventude.gov.pt/florestas

Após a inscrição, e seleção, cada jovem voluntário recebe uma bolsa no valor de 180 euros.

 

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

two × two =