UTAD E ÁGUAS DO NORTE ASSINAM PROTOCOLOS DE COOPERAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA

0
232

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e a Águas do Norte vão assinar amanhã, dia 3, dois protocolos de cooperação com vista ao estabelecimento de relações de colaboração Científica e Tecnológica no domínio das Ciências Ambientais e Bioquímicas.

 

O ato de assinatura está marcado para decorrer, pelas 10:30, na UTAD, com a presença dos mais altos responsáveis de ambas as instituições.

No âmbito destes protocolos, a Águas do Norte, enquanto concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal e entidade gestora do sistema de águas da Região do Noroeste, atribuirá bolsas ARQUIMEDES, cinco de mestrado e duas de doutoramento, a estudantes matriculados na UTAD, de reconhecido mérito em áreas que esta empresa considere estratégicas para a atividade que desenvolve, com um relevante componente de inovação e investigação no domínio das ciências ambientais e bioquímicas, ou outras áreas de interesse.

Com as Bolsas de mestrado e doutoramento ARQUIMEDES, que suportarão o custo das propinas e outras taxas devidas pela inscrição nos respetivos cursos, propõe-se “um modelo de desenvolvimento de competências no qual o estudante terá a oportunidade de complementar a vertente teórica do curso com uma enriquecedora experiência prática associada ao setor empresarial”. Nesse sentido, “cada estudante terá um/a colaborador/a da Águas do Norte, S.A. como Tutor/a que acompanhará as atividades de investigação, com quem o estudante deverá reunir e reportar relatórios de progresso dos trabalhos em curso, numa periodicidade não inferior a três vezes por ano”.

A Águas do Norte iniciou a atividade a 30 de junho de 2015 e, enquanto entidade concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, em “alta”, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais e de efluentes provenientes de fossas séticas.

Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, reunindo numa única entidade gestora, os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos Municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes), de forma regular, contínua e eficiente.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

13 − 7 =